Kits

Published on novembro 4th, 2016 | by ES1

0

Novidades América(Novembro, 2016)

  • AMT

PrintComeçamos num ponto onde ficção e realidade se encontram: na primeira temporada de Jornadas nas Estrelas – Original, houve um momento em que a USS Enterprise voltou no tempo até o ano de 1966 e precisava se manter escondida o máximo que desse por causa dos efeitos nocivos que poderiam advir de uma interferência no passado. Mesmo assim, a nave acabou ate sendo interceptada por um Lockheed F-104. O kit AMT953 traz uma mini-Enterprise e um Starfighter na 1/48. Decalques remetendo às marcações das naves no dito episódio e mútiplas opções de cargas alares pro caça americano.

  • Anigrand

aa4105_yc-15_partsCriado para o programa AMST da USAF, o Douglas YC-15 competia com o Boeing YC-14 para uma aeronave a jato de médio porte que pudesse operar em pistas com pouca pavimentação(típicas das linhas de frente). Voando pela primeira vez em ’75, o projeto evoluiu bem até que a própria Força Aérea desistisse do mesmo, mudando o foco para uma aeronave de maior capacidade que operasse em pistas convencionais. Com os ensinamentos do YC-15, nasceria o C-17 Globemaster… Voltando ao kit AA-4105: escala 1/144 e 127 peças. Como bônus, ainda vêm peças para mais 3 aeronaves!

aa4093_c-93_real-1Criado para atender um requerimento da USAAF/USN, que desejava um transporte bimotor de materiais não-estratégicos durante a IIGM, a Budd Aircraft respondeu com o C-93/RB-1. Entretanto, a aeronave consumia combustível demais e era submotorizada, o que acabou eliminado o seu interesse pela USAAF, e fez a US Navy reduzir substancialmente o número de aviões a serem pedidos. A Anigrand traz o kit AA-4082 com 95 peças e 3 kits bônus!

  • Lindberg

HL442-12 Shangri-La Essex-class packaging -oNa estranha 1/900 aparece o porta-aviões da Classe Essex, o CV-38 Shangri-La.  Ele traz caças F4D Skyray e F11 Tiger, helicópteros HUP-2 e até uma cápsula espacial, além de vasto armamento defensivo antiaéreo e ilha de comando e convoo para reproduzir a versão modernizada. Item HL442.

Template- JJ - 14x9.5x2 mockupO kit HL440 traz duas embarcações extremamente presentes para a Marinha dos EUA na IIGM: o LCVP e o destróier de escolta Classe Rudderow USS DeLong. Enquanto o primeiro foi muito usado nas operações de desembarque, os Rudderow eram essenciais na escolta de comboios e caça aos submarinos no Atlântico, Pacífico e Mediterrâneo. O LCVP é 1/32 e o contratorpedeiro é 1/300. Há 6 figuras para a lancha de desembarque.

HL438-US Navy Tanker PackagingEmbora sem o glamour das unidades de combate, a verdade é que as naves de reabastecimento e ressuprimento, como os navios-tanque da Classe Kennebek, possibilitavam cruzadores, encouraçados e porta-aviões a operar. Navios como esse podiam reabastecer embarcações sem parar, o que reduzia a vulnerabilidade da força-tarefa e ainda estão em serviço civil nos dias de hoje! Kit 1/525, vem com base e ainda traz linha para fazer o cabeamento da embarcação. Item HL438.

HL129-12 1938 Custom Ford Convertible boxOs puristas podem até pirar, mas francamente, o quão legal é um Ford Custom com as peças externas mixadas entre os modelos 1937 e 1940, propulsionado por um V8 LT1(você não seu errado: é um Ford com motor de Corvette!!!). O item HL129 é nível 2 e vem na 1/24.

HL127 67 Oldsmobile 442 Pkg PATHSSe fazer essa união entre GM e Ford foi demais para você, então que tal um Oldsmobile 442 1967 Cutless Supreme, bem mais old school? Ele vem com sistema de indução forçada W30, decalques e moldes atualizados! Kit HL127.

HL122-12 1934 Ford Roadster Rat Rod packagingFrancamente é difícil algo mais americano que o kit HL130, que traz um Ford Crown Victoria de 1996 em sua configuração Police Cruiser Interceptor com um decalque chamativo nas cores da bandeira dos EUA. Ele não exige cola e a carroceria é pré-pintada, o que ajuda muito os iniciantes.

  • MPC

MPC844 Prudhomme 1972 Dragster LidJOHN2Já falamos de Tom “Mongoose” McEwan aqui quando falamos de dragsters e, olha só: outra vez temos o Mongoose associado a outro carro de arrancada, dessa vez um top fuel da Hot Wheels que foi usado em ’72 e ganha uma representação na 1/25 como o kit MPC855.

MPC858-06 1982 Firebird PackagingBom, o Pontiac Firebird dos anos ’80 nem precisa de muitas apresentações, sendo um ícone por si só. Agora imagine o boost na reputação dele ao interpretar o K.I.T.T. em “A Super Máquina” e o carro do Bandit em “Agarre-me se Puderes 3”. Desejável o suficiente em 1/24, imagina na 1/16, com rodas esterçáveis, portas e capô móveis, peças extras de customização, extensa folha de decalques e intrincado detalhamento! Esse é o kit MPC858.

AMT1018 Package-lidAssim como os japoneses adoram fazer acordos com preparadoras para reproduzir carros customizados, os americanos vivem se atrelando a designers com suas produções bem irreverentes e exóticas. Esse é o caso do kit MPC857 que foi desenhado por George Barris e ganha uma atualização nos moldes. Escala 1/24.

  • Revell EUA/Monogram

85-4425-lgO Chevrolet Corvette C7 chegou para mudar a forma como o mundo enxergava as versões anteriores desse esportivo: pela primeira vez, um Chevrolet tinha o requinte e desempenho esperado de um esportivo europeu ou japonês que custa muito mais caro. Sendo testado por inúmeras publicações, as avaliações têm sido muito positivas, o que fez com que não demorasse muito para o Stingray virar kit snap e agora ganhar sua leitura como kit nível 4 com motor LT-1, de 57 peças. Código 85-4425.

85-2513-lgAmantes dos trucks vão curtir: esse é o Kenworth K100 Cabover 1/25(85-2513). Para quem estiver interessado em desafios, esse kit é nível 5, tem 284 peças e fica com quase 30cm de comprimento após pronto!! Gostou? Então procure pelo item 85-2513 no catálogo da Revell-Monogram.

Lamento, gente…nada a declarar.


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Engenheiro de computação formado na UFES e com diversos cursos na área de redes e tráfego de dados, absolutamente louco por carros, aviões, trens, tanques, caminhões, história e estratégia. É o braço técnico da UdK.



Back to Top ↑