Kits

Published on fevereiro 22nd, 2019 | by ES1

0

Novidades da Ásia(Fevereiro, 2019)

O carvanal  ainda não veio, mas as novidades asiáticas sim: porta-aviões modernos e antigos; carros de fórmula 1 e rali; um Stuka G2 1/24 e muito mais estão aqui.

  • Aoshima

O Nissan Skyline BNR32 foi um dos maiores ícones da indústria automotiva mundial, habitando os sonhos de quase todos os entusiastas. Obviamente que um carro desses seria usado extensamente nas pistas e nas customizadoras como a Veil Side, que criou a versão “Combat” com o Skyline de ’90. A Aoshima o lança como kit TUNED CAR No.60 na 1/24.

Desenvolvida nos EUA com base na picape Nissan, a versão utilitária dela, chamada por essas bandas de Pathfinder, aparece na 1/24 como kit 2-em-1(original ou customizado) com código MODEL CAR No.106, representando o modelo de 1991.

  • Fujimi

A McLaren F1 GTR Long tail 1/24(RS95EX) vem com PEs para detalhamento posterior.

O ônibus convencional Fuso Aero Queen 1/32 é o kit BUS4.

O Subaru Impreza WRX Type R STi 22B 1/24 vem como kit ISD18.

O kit ISD9 é o Mitsubishi Lancer Evo III GSR CE9R 1/24 que, assim como o Impreza, foi lançado em homenagem ao mangá/anime Initial D(o Impreza era do pai do protagonista, Bunta Fujiwara e o Evo era de um corredor chamado Koichii Sudo).

Indo para o mar, temos uma festa de kits de navios esse mês. O cruzado IJN Mogami após 1943 foi convertido para o transporte/lançamento de aviões e ganha uma reprodução na 1/700 com direito a PEs com código 73EX-1.

Também vindo com PEs, o porta-aviões IJN Junyo ainda traz uma dotação de aviões A6M5 e B6N2. Kir FH40EX-1, 1/700.

O IJN Soryu(16EX-2) com configuração de 1941 na escala 1/700 vem com PEs(2 grades) e convés de madeira. Para complementar, há caças A6M2.

O IJN Akagi 1/700(NX-4) vem com pedestal de exibição.

O kit 94EX-1 vem com o kit IJN Hiyo na escala 1/700 com pedestal.

O cruzador IJN Maya na configuração de 1944 da Batalha das Marianas vem como kit 68EX-3 e vem com uma absurdamente extensa de photo-etcheds!

O encouraçado IJN Kongo 1/700 vem com novo pedestal e tem código NX-7. A configuração da embarcação é a de 1945.

O encouraçado IJN Kii 1/700 lançado meses atrás agora recebe uma leitura snap fit. Kit NX3EX-1.

O destróier IJN Akizuki vem com casco selecionável e pedestal de exibição na escala 1/700

  • Hasegawa

O Mitsubishi Ki-67 era um bombardeiro pesado do Exército Imperial do Japão na IIGM. O modelo 02298(1/72) vem com 101 peças, incluindo uma bomba teleguiada I-Goh Tipo 1 Koh. Decalques para um aparelho.

O Grumman F-14B Tomcat “Jolly Rogers” vem com decalques para 2 aparelhos e novas peças de alto nível de detalhamento para as turbinas TF-33(resina?). São 211 peças.

O caminhão para emergências aeroportuárias austríaco Rosenbauer Panther 6×6 chega na 1/72 é o kit 54055, composto por 149 peças e decalques para 2 caminhões operando com as forças militares japonesas(JSGDF e JASDF).

Com 91 peças, o Honda N360 ganha uma versão de corrida com o kit 20392 na 1/24.

Outro Honda de corrida a voltar às prateleiras é o RA272 de Fórmula 1 que correu em 1965. São 93 peças, escala 1/24, código 20391.

O Subaru Legacy de WRC com as cores da Rothmans usado no RAC Rally de 1991 é o kit 20390. Com escala 1/24, são 107 peças.

O destróier IJN Akigumo (classe Kagero) chega como kit 40100 na 1/350. A configuração é de 1943, quando ele participou da operação de retirada das tropas imperiais das Ilhas Aleutas.

  • Model Factory Hiro

A Ferrari 315/335 S 1/24 é um dos dois kits que a MFH traz esse mês. Criada para sobrepujar as Masseratis no WSC em fins dos anos ’50, a Ferrari pegou a 290MM e repaginou o motor e aplicou outros refinamentos, originando a 315S, estreando em Sebring, no ano de ’56. Já a 355S era uma Ferrari 315 com motor ainda mais potente, ajudando a marca de Maranello a garfar o título do WSC do ano de 1957. Disponível em 3 variantes distintas a cada kit pode ser montado como a 315S ou a 355S é a K691(Mille Miglia de 1957, carros 532 e 7), K692(Le Mans, ’57, carros 6 e 8) ou K693(Mille Miglia, ’57, carros 534 e 535). Todos os carros têm pequenas diferenças estéticas entre si e são compostos de peças multimídia(resina, borracha, vinil, metal, PEs e plástico).

A Ferrari F1-89 1/12 vem em 3 sub-variantes esse mês: K694(GP do Brasi), K695(GP da Hungria) e K696(GP de Portugal). Entre elas, há pequenas diferenças, como o sistema de captação de ar para o motor, amortecedores e as asas. Em qualquer caso é possível reproduzir os carros de Mansell e Berger. Kit multimídia, com motor completo.

  • Pit Road

O conjunto S19SP traz o segundo volume de aviões usados pela Luftwaffe na 1/700. Espere pelas versões finais do Me-109, FW-190D, FW-200, He-219, Ju-52, Do-335, Me-163 e Ar-234(4 de cada) e 2 V-1 com trilhos de lançamento.

O kit M49E é o cruzador Kirov 1/700 russo/soviético com peças em PEs para detalhamento extra. A grande pergunta que não quer calar é: como esse box art é o mesmo do modelo Trumpeter, será que o kit é o mesmo molde? Provavelmente sim.

O encouraçado USS California em sua configuração de 1941 na escala 1/700. PEs inclusos, bem como duas aeronaves OS2U Kingfisher.

O encouraçado USS Colorado em sua configuração modernizada vista em 1944 é o kit W205NH, com PEs e aviões de reconhecimento OS2U.

O terceiro conjunto de materiais para detalhamento de embarcações da USN usados na IIGM é lançado esse mês. Ele contém: radar Mk.12/25/37(2 de cada), canhão de 20mm AAe Mk.4(x20), canhão de 40mm geminado Mk.4(x4), torre de canhão de 127mm Mk.30(são 2 modelos distintos de torres, com 12 unidades ao todo), âncora(x4), barcos auxiliares/salva-vidas(x4), botes salva-vidas(x8), holofotes(x4), reparo quíntuplo de lançamento de torpedo de 533mm(x2) e posição simples de canhão de 127mm Mk.21(x4). Item E06, 1/700.

  • Dragon/Cyber-Hobby

Com modelo 2-em-1, o kit 6869 vem com as peças para representar o Tigre (P) ou sua versão de socorro, o Bergepanzer Tiger (P). Com apenas uma unidade produzida e enviada à Frente Leste, o Tigre (P) basicamente é uma junção da carroceria de design da Porsche(daí o “(P)”) com a torre de tiro operacional do modelo Henschel. O modelo traz 2 carrocerias completas, PEs, lagartas DS e escotilhas posicionáveis.

Com opções para montagem com uma metralhadora MG42 ou um PzB41, o Sd.Kfz.251/7 alemão 1/72 volta a integrar a série Armor Pro da Dragon. Lagartas DS, portas e escotilhas posicionáveis, bem como 2 opções de veículos representáveis fazem parte do pacote que engloba o kit 7605.

O Stuka zu Fuss era um Sd.Kfz.251 com lança-foguetes Wurfrahmen 40 nas laterais. Embora comum na 1/35, na 1/72 é uma das poucas vezes que essa versão é ofertada. O kit 7604 vem com 2 grades de PEs, decalques para 2 viaturas e pode ser montada com trilhos representando peças em metal ou madeira nos veículos reais.

  • Great Wall

O Lockheed T-33 Shooting Star 1/48 é o kit L4819, vindo com decalques para o USAF, Aeronautica Militare Italiana e para a Bundesluftwaffe. Há PEs e flapes posicionáveis.

  • Meng

Com 937 peças, lagartas elo-a-elo funcionais(bem como a suspensão) e escotilhas posicionáveis, o Leopard 2A7+ 1/35 surge como kit TS-042.

  • Model Collect

O T-80 N-in-1 1/72 vem com peças para reproduzir as variações mais comumente vistas do MBT nos últimos 20 anos: T80U/UD/UK/UE-1/UA/UM-1. Kit UA72175.

Baseado no molde original Toxso, o 9P117 Elbrus(Scud-C) 1/72 é o kit UA72145.

O megalomaníaco projeto do P1000 Ratte não é novidade para muitos e até já fora lançado antes. Agora é a vez da versão com a torre principal do cruzador da classe Scharnhorst, holofote e a torre auxiliar de um tanque pesado E-100. Kit 72303, 1/72, edição limitada.

  • Trumpeter/Hobbyboss

Quando você pensa em veículos alemães diferentes na 1/35, geralmente é a Dragon que é lembrada primeiro. Mas nesse caso, a Trumpeter resolveu nos presentear com uma versão muito inusitada do conhecidíssimo Sd.Kfz.7, a variante “/3” de reboque pesado de artilharia e posto de controle de tiro para as baterias A4/V2, vindo com uma cabine fechada e blindada na parte traseira do veículo. O kit 09537 vem com mais de 900 peças, PEs, cabo de cobre e lagartas elo-a-elo.

O blindado leve de transporte soviético GT-MU, foi criado para levar pessoal através de áreas sem estradas de maneira veloz e com um certo nível de proteção. Criado inicialmente com motor à gasolina, logo recebeu motor diesel e aumentou seu leque de funções, passando a ser visto como ambulância de campanha, unidade de EW e reboque de artilharia também. O kit 09568 é 1/35, vem com aproximadamente 370 peças, PEs, um fio de latão, lagartas com elos individuais e decalques para 3 veículos.

O MBT T-72 foi um choque para o Ocidente, seguindo a esteira do alarde causado pelo T-64. Ao contrário desse, no entanto, o T-72 era muito mais simples, mas não menos letal, o que possibilitou a sua compra em grandes quantidades pelos soviéticos e aliados. A primeira grande modificação foi a versão A, que ganhou melhorias no motor, canhão e a adição de um telêmetro laser e de saias laterais e lançadores de granadas fumígenas. O kit 09548(1/35) vem com blindagem reativa Kontakt-1, o que o torna um T-72AV. Entre as quase 1900 peças, há PEs, cabos de cobre e fios de latão. Decalques para 2 veículos(mas há genéricos para outros blindados soviéticos).

O Stuka Kanonenvogel dispensa apresentações: o Ju-87G2 ganha um kit 1/24(02425) e tem 390 peças, incluindo PEs, pneus de borracha e motor detalhados. Decalques para 2 aviões, incluindo o do Rudel.

O HMS Cornwall era um cruzador pesado da Royal Navy que viu bastante serviço, na IIGM, participando da caçada ao DKM Graf Spee, escoltando comboios no Atlântico Sul e operando no Oceano Índico. Membro da Força I, estava sediado no Ceilão(Sri Lanka) quando participou do engajamento que afundaria o DKM Penguin(um navio mercante armado). Pouco tempo depois, ele e seu irmão, o HMS Dorsetshire(sim, o mesmo que lançou os últimos torpedos no Bismarck) participaram de um caçada aos porta-aviões japoneses. Para seu azar, os ingleses foram identificados por um avião japonês e seriam afundados por bombardeiros embarcados. O kit 05353 é 1/350, vem com casco completo+estande, PEs e corrente da âncora em metal.

Na atual corrida bélica no Mar do sul da China, os chineses estão apresentando ao mundo sua nova classe de porta-aviões, a Tipo 002, baseada no Liaoning(que ainda é um passo intermediário em relação aos projetos que envolverão embarcações com catapultas, em vez de rampas de decolagem).  kit 06725 é 1/700, 350 peças(incluindo PEs) e uma ala aérea de helicópteros Z-8 e caças J-15.

Competindo com a Xuntong, a Hobbyboss apresenta o Yakovlev Yak-28P 1/48(81767). Esse interceptador soviético tem esse kit composto de 150 peças e decalques para um aparelho.

Chamados de “draisine”, os vagões blindados e armados soviéticos são um capítulo à parte na luta no Leste Europeu. Com funções que iam desde a defesa de composições até mesmo operações de reconhecimento/engajamento, esses veículos tiveram grande destaque na IIGM. O MBV-2 recebe uma segunda variação na 1/35, com uma versão armada com os canhões de 76mm dos T-34/76. O kit 85515 tem 430 peças, PEs, trilhos e 3 opções de pintura/decoração.

Nada aqui… 🙁


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Engenheiro de computação formado na UFES e com diversos cursos na área de redes e tráfego de dados, absolutamente louco por carros, aviões, trens, tanques, caminhões, história e estratégia. É o braço técnico da UdK.



Back to Top ↑