Kits

Published on fevereiro 15th, 2019 | by ES1

0

Novidades da Europa(Fevereiro, 2019)

Novidades de fevereiro no ar, com um Super Hornet na 1/32 de um lado e com um encouraçado 1/1200 do outro, o mercado começa a receber alguns kits da SWM2019

  • Airfix

O DeHavilland Sea Vixen FAW.2 1/48 é o kit A11002, composto de 227 peças e decalques para 3 aparelhos diferentes, nível 4 de dificuldade.

O super avião de ataque Blackburn Buccaneer era um dos grandes vetores de ataque da Inglaterra em caso de confronto militar com algum adversário, pois eles viajavam extremamente baixo e muito velozmente, dando pouquíssimo tempo de as defesas inimigas reagirem e dificultando a interceptação. O kit A06021 é 1/72, tem 141 peças, decalques para dois aviões da Marinha Real e nível 3 de dificuldade. Moldes inéditos, com asas posicionáveis

Usado por diversos países, incluindo Brasil, o DeHavilland Tiger Moth DH82a 1/48 recebe uma modernização em seus moldes também, agora contando com interior detalhado, painéis de acesso ao motor posicionáveis e decalques para 2 aviões da RAF. São 91 peças, nível 3.

Começando a operar por volta dos anos ’60-’70, o Hawker-Siddeley T.1 foi extensamente usado para o treino de tripulações de aeronaves de carga, bombardeiros e aviões de patrulha, sendo aposentado apenas nos anos ’10! Esse icônico jato ganha reprodução na 1/72 como kit A03009V(66 peças, nível2). Como informação extra, ele pode ser usado como base para reproduzir os HS.125 usados pelo Brasil. O modelo da Sword não está mais sozinho no mercado!

  • Heller

O bombardeiro Bloch 210 foi criado nos anos ’30 como substituto do modelo 210, passando a ter cobertura metálica e trens retráteis. Inicicialmente motorizado pelos HS 14K, esses aviões precisaram ser remotorizados com os HS 14N, só então tornando-se aeronaves efetivas no inventário militar de seus usuários(além da França, Bulgária, Alemanha, Romênia e Espanha utilizaram tais aparelhos). O kit 80397 é uma re-edição na 1/72.

O kit 80311 é um Lockheed EC-121 Warning Star da Marinha dos EUA na 1/72. Também trata-se de uma reedição.

O Curtiss H75 Hawk(predecessor do P-40) 1/72 nas cores da Armeé de l’Air é o kit 80214. Obviamente pode ser usado para reproduzir os aviões da USAAC e da FAB também com decalques apropriados.

Com 84 peças, o caça pesado Potez 63-11 A3 1/72 é o kit 80313.

  • Italeri

Com moldes 100% novos, os italianos apresentam o T-34/85 da série War Thunder(36509, 1/35). que vem com PEs, lagartas plásticas elo-seção, códigos promocionais para o jogo e um frasco de cola.

Ainda falando de militarias 1/35 da IIGM, temos o Panzerwerfer 42 auf sWS, que é uma evolução do lançador de foguetes Panzerwerfer 41, montado sobre o Opel Maultier. Dessa vez construído sobre o chassi multifuncional do sWS(schwer Wehrmacht Schlepper), essa nova artilharia móvel chegou bem no final do conflito. O kit 6562 é 1/35, tem decalques para duas unidades operando em 1945, lagartas tipo elo-seção em plástico e pneus de plástico também.

O Douglas A-1H Skyraider é uma das mais(se não A mais) icônica aeronave do conflito do Vietnã. Praticamente um trator armado até os dentes, ele era usado para ataque ao solo e cobertura durante missões C-SAR. O kit Italeri é 1/48, com decalques para 1 avião da USAF, 2 da USN e 1 do Vietnã do Sul. Em termos de armas, há uma provisão de tanques de napalm, casulos CBU-25 de bombas cluster e casulos de foguetes FFAR. Nível 3 de dificuldade, item 2788.

O IAI Kfir é fruto de uma engenhosa odisséia sobre o Mirage 5 israelenses(iniciando como uma joint-venture com a Dassault, mas que acabou com os israelenses se virando por conta prápria depois de um embargo em ’68), que começou com o IAI Nesher e acabou evoluindo para esse aparelho supersônico com asas em delta, com motor J79(o mesmo dos Phantom II) produzido localmente renomeado como IAI Bedek. O kit 1408 é 1/72, vem com decalques para 4 aparelhos israelenses e traz um tanque sub-ventral e um par de mísseis Rafael Sharfir-2.

O Lamborghini Miura SVJ basicamente lançou a pedra fundamental dos supercarros, ao criar um veículo de 2 lugares com motor central-traseiro e tração traseira. O kit Italeri 3649 é 1/24, é moldado em preto, prata e vermelho, vindo com máscaras e pneu de borracha e decalques com 2 placas italianas.

  • Revell

Artilharias em destaque: o PzH2000 1/35 da Revell traz decalques para Alemanha, Croácia, Holanda e Grécia, nível 4, 316 peças, lagartas de borracha.

O M40 GMC 1/76 da Matchbox é o kit 03280, composto por 68 peças, lagartas do vinil e base para diorama.

O diminuto BAe Harier GR.7 1/144 tem 52 peças, tanques sub-alares e mísseis AIM-9. Código 03887.

O Kfir C.2 também aparece na Revell esse mês, sendo basicamente o mesmo molde da Italeri na 1/72, apenas uma opção de decalque e o mesmo tanque sub-ventral e os Sidewinder/Sharfir-2 que o kit Italeri apresenta. Nível 3, 46 peças, 03890.

A série British Legends continua com a chegada do Phantom FGR.2 1/48, com suas 160 peças. O modelo 04962 vem com mísseis Skyflash, decalques para 3 aviões da RAF e freios aerodinâmicos posicionáveis. Nível 5.

O F/A-18E Super Hornet 1/32(04994) vem com uma grande gama de armas GBU-31, bombas Mk83,
bombas GBU-12, mísseis AIM-9X e mísseis AIM-120C. Fora isso, o canopy é posicionável, há 3 tanques descartáveis e decalques para 2 aparelhos da USN.

O encouraçado King George V 1/1200 é composto de 45 peças, nível 4 de dificuldade e código 65161.

Por fim, temos aqui o Chevrolet Chevelle possui decalques para 9 países diferentes, grades com partes cromadas, em plástico branco e em plástico transparente incolor e vermelho, além dos pneus de borracha. Item 07662.

  • AZ Model

O planador alemão Grunau Baby IIb 1/72 tem decalques para 6 aeronaves tchecas e eslovacas voadas entre 1941 e 1949.

  • Dora Wings

A Dora Wings lança o combo dos P-63C/E 1/72 7201D.

O Percival Proctor Mk.III 1/48 é o modelo 48006.

O Percival Vega Gull 1/48 tem código 48015.

O Bellanca J-300 1/72 aparece como kit 72012.

  • Eduard

O Mirage III C 1/48 Profipack da Eduard vem com PEs, máscaras de pintura, decalques para um jato israelense, 3 franceses e 1 sul-africano. Item 8103, ainda vem com escadinha para o piloto, figura e um míssil R530, além dos tanques sub-alares e sub-ventral.

Outro Profipack 1/48 é o Hawker Tempest Series 2 que traz decalques Cartograf para 6 aparelhos, PEs e máscaras de pintura. Item 82122.

Pros fãs de aviação americana, o Grumman F6F-5 1/72 Weekend Edition vem como uma muito bem vinda solução, sendo o kit 7450. O que ele traz: Duas folhas de decalques para 2 aparelhos da USN, casulo opcional de radar AN/APG-6 da versão de caça noturna(F6F-5N), carlingas alternativas, bombas de 454kg, foguetes HVAR e um tanque subventral.

  • KP Models

O avião LET Z-37A2 ganha duas versões na 1/72 com 3 opções de decoração cada(KPM0130 com direito a uma pintura Jolly Rogers, e o KPM0129, foto).

O MiG-21UM 1/72 recebe mais um kit com decalques para Rússia, Finlândia, Croácia e Repúplica Tcheca(KPM0132).

  • Niko

Ano novo, com navio novo da Niko Models: trata-se do cruzador leve holandês HNLMS  Jacob van Heemskerck em sua configuração de 1942.  Esse navio quase foi capturado pelos alemães em 1940, fugindo para a Inglaterra, onde passou a operar na missão de escolta de comboios, servindo como navio anti-aéreo. Em fins de 1942, ele operou no Índico e Pacífico(participando da caçada ao navio mercante armado alemão DKM Ramses), voltou para a Europa, continuando suas missões de escolta no Mediterrâneo e sobreviveu ao conflito com um recorde notável: nunca nenhum navio que ele escoltou foi perdido! O kit 1/700 é em resina e traz PEs.

  • RS Models

Espanha, Croácia e Alemanha. Todas essas nações usaram o bombardeiro Dornier Do-17E. Bastante ágil para sua proposta, o Do-17 voava bem em baixas altitudes, sendo conhecido por fazer ataques de surpresa, além de ser consideravelmente mais difícil de abater que seus congêneres, mesmo dentro da própria Luftwaffe. O kit 92235 é 1/72 com opções para representar 2 aviões alemães, 1 espanhol ou 1 croata.

  • Special Hobby

O bombardeiro médio Breda Ba.88 Lince 1/72 é o kit SH72397. História para quem curte: o Breda Ba.88 era um avião de gigantesco potencial, batendo inúmeros recordes quando foi lançado. Sua versão operacionalizada militar, no entanto, foi um grande fiasco por conta dos motores fracos demais para o peso da aeronave. Além de lenta(muitas vezes nem conseguia decolar carregada), a motorização deixava a aeronave muito propensa a falhas e superaquecimento. Uma versão M de ataque ao solo teve diversas melhorias em termos de motores e asas, mas só chegou à época do Armstício, não chegando a ser usada efetivamente nem pela Luftwaffe, que capturara um Gruppo inteiro com essas aeronaves.

O Aerospatiale/Fouga Magister, foi um dos aviões de treino e ataque leve de maior sucesso comercial do Ocidente(sendo até usado pelo Brasil). Outro grande usuário foi Israel, que fez diversas adaptações locais no modelo, renomeando de IAI Tzukit(pois ele era feito sob licença). O kit SH72375 vem com peças em resina para a conversão e decalques para as principais pinturas usadas em Israel.

O Blowm & Voss BV-155 era um caça de grande altitude que a Alemanha lançaria para fazer frente à força aparentemente interminável de bombardeiros aliados. Inicialmente saído das mesas de engenharia da Messerschmitt como Me-155, o avião seria uma versão navalizada do Me-109, mas que teve o desenvolvimento cancelado por conta dos atrasos do DKM Graf Zeppelin e do DKM Peter Strasser. Assim, o Me-155 só seria reavaliado quando os espiões Alemães souberam do desenvolvimento das B-29. Como a Messerschmitt estava entupida de serviço, os planos foram repassados para a Blohm & Voss, que deu uma completa redesenhada no aparelho, mas que, por conta de concorrência interna de outros desings(FW-190D9, Ta-152, Me-262, Me-163 e He-162), acabaria por chegar ao dia da rendição alemã, com apenas 3 protótipos fabricados. O modelo SH72372 vem com diversas opções de decalque, sendo um parto-cheio pros fãs do “What If”.

  • Ace

E não é que a Ace resolveu mesmo se aventurar na 1/72 com aviação agora? O terceiro item é o Kamov Ka-25PS, uma versão de busca e salvamento da família de helicópteros multi-missão embarcado Ka-25. O kit 72307, sem dúvida não é indicado para iniciantes, como vem com uma contagem substancial de peças, incluindo PEs e decalques para 3 aeronaves(uma operando a partir do cruzador Minsk).

  • Ark Models/Eastern Express

O Handley-Page Dart Herald HPR.7 1/144 é um bi-motor asa alta britânico, voado entre ’55 e ’99 por 16 países diferentes, incluindo o Brasil(Sadia e TABA), vindo com as cores das seguintes empresas: Globe Air(EE144125-1, foto), Bavaria(EE144125-2), UK Air(EE144125-3) e Channel Express(EE144125-4).

O McDonnell Douglas MD-80 1/144 também ganha novos decalques também: Allegiant(144111).

O McDonnell Douglas MD-90 1/144 também aparece com opções de pintura: Delta(144128), EVA Air(144128-2), JAS(144128-3) e Saudi Arabian(144128-4).

Fechando, temos o Airbus A220-100 nas cores da Swissair é o modelo 144133.

  • ICM

O conjunto de figuras para a Batalha de Gallipoli, na qual tropas da Commonwealth se digladiaram contra os turco-otomanos é o conjunto 1/35 NoDS3501.

O Renault AHN capturado pelos alemães na 1/35 é reeditado com a adição da figura de um motorista como kit 35418.

O T-34/76 Mod.43 capturado Pz.Kpfw.T-34-747(r) 1/35 e o kit 35370 e não vem com a cúpula alemã na torre de tiro.

Mais uma variação do Beech 1/48 é o C18S “Magic by moon light” usado em shows aéreos. Item 48186.

Por fim, mas não menos especial, os ucranianos estão pondo no mercado o caminhão pesado inglês Fordson WOT 6 como kit 35507. 

  • Masterbox

O conjunto 3574 representa 4 soldados pára-quedistas americanos na 1/35 e posição de combate, muito bom para a ambientação na área da Normandia, em 1944.

A nova sérii “The Heist” trará muitas novidades interessantes na 1/24. O primeiro item dela é a 24064, com 2 policiais abrindo fogo contra bandidos, protegidos por uma viatura.

  • Mikromir

O exótico submarino-anão espanhol Tiburón foi lançado nos anos ’60, tendo a classe apenas duas unidades fabricadas. O kit 144-022 é 1/144 em termos de escala, tem 35 peças, decalques para duas embarcações e photo-etcheds.

  • Miniart

A série Building and Accessories Set é expandida com o conjunto de camburões alemães da IIGM na 1/35(35588). Com 4 modelos diferentes de reservatórios, ainda vem com PEs e decalques.

Outro conjunto da mesma série é o Construction Set(35594), composto de materiais de construção diversos na 1/35, incluindo escadas, cavalete, tijolos e outras ferramentas.

O vagão de carga fechado soviético NTV 1/35(35288) vem com porta lateral corrediça posicionável, decalques para 6 unidades(3 soviéticas e 3 capturadas pelos alemães), PEs e ainda vem com uma seção de trilho.

O BMR-1 1/35 agora ganha a adição do rolete anti-minas KMT-7. Com decalques reproduzindo 3 unidades que lutaram no Afeganistão, vem com PEs, lagartas RMSh elo-a-elo, escotilhas posicionáveis e torreta giratória. Kit 37039.

Outro kit lançado na SWM’19 foi o Katyuscha(BM-8-24) montado no GAZ MM na escala 1/35. O kit traz motorização completa, caixas de munição extras, PEs, capô e lançador posicionáveis. Item 35259.

  • Roden

O obuseiro pesado Vickers BL de 8 polegadas usado pela Commonwealth durante a IGM é o kit 813 na 1/35. O kit conta com uma cinta de borracha para simular a banda de rodagem.

Mais uma variação do Cessna O-1/L-19 é o kit 629, vindo, dessa vez, com flutuadores, na 1/32 e decalques para um aparelho da USAF.

  • Zvezda

Da primeira leva de caças soviéticos a ver serviço na IIGM, sem dúvida o melhor design era o Yak-1, com considerável leveza, agilidade e poder de fogo. Embora suficiente para lidar com o Me-109E em termos técnicos, a chegada da versão F devolveu uma liderança clara em termos qualitativos do avião, o que forçou a Yakovlev e a Klimov a desenvolverem uma solução, que veio na forma do Yak-1B, que recebeu o novo motor M-105PF, mais blindagem, poder de fogo aumentado, com a adição de uma metralhadora pesada UB, um canopy em bolha e bequilha retrátil. Essa versão é a reproduzida pelo kit 4817, composta de 91 peças que é o rebox do kit da Accurate, vindo com decalques para 4 aviões!

Há uns tempos anunciado e sendo feito teaser, o BM-21 Grad 1/35 finalmente chegou como kit 3655 é formado por 429 peças, o que permite escolher a posição das portas e capô, reprodução completa do motor e transmissão, cabine detalhada, e contêiner lançador que pode ser elevado e girado.


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Engenheiro de computação formado na UFES e com diversos cursos na área de redes e tráfego de dados, absolutamente louco por carros, aviões, trens, tanques, caminhões, história e estratégia. É o braço técnico da UdK.



Back to Top ↑