Kits

Published on fevereiro 20th, 2017 | by ES1

0

Novidades Europa(Fevereiro, 2017)

Carnaval na Usina dos Kits é com as novidades das fábricas mundo afora! Entre as novidades, temos o Messerschmitt Taifun, Combo de Spitfires do Teatro CBI, um motor Turbofan funcional, um Citroën DS19 1/16 e mais um monte se super novidades lhe esperam aqui. Pare de fuçar pela web: você encontra tudo aqui!

  • Airfix

Mais uma variante do icônico North American P-51D  chega na 1/72 como o item A01004A. São 53 peças e uma opção de decalque.

Outro clássico do modelismo aéreo é o Junkers Ju-87B1 que ganha reprodução na 1/48 com decalques para a Luftwaffe e para Espanha. São 158 peças e é possível detalhar motor e os compartimentos das metralhadoras MG17 nas asas. Nível 3, item A07114.

Com o sugestivo nome de Série Engineer(Engenheiro), temos um kit didático de um turbofan. Chamado de Airfix Engineer Jet Engine, o kit vem com base, parte eletrônica(som, movimento e luzes) e a nacele transparente para se acompanhar a disposição e funcionamento individual do fan, compressor, câmara de combustão e demais componentes. Item A20005, com mais de 50 peças.

  • Heller

Chuva de novidades na França! Iniciamos pelo Bloch 174, um reconhecedor de alta-altitude na 1/72 com 40 peças para reproduzir um dos melhores aparelhos à disposição da Armeé de l’Air na IIGM. Item 80312.

Um ícone da indústria automotiva francesa, o Citroën DS19 ainda é um dos automóveis mais distintos do mundo, com sua silhueta aerodinâmica e bela. Por falar em beleza, ainda mais arrebatador que um sedã, os franceses desenvolveram uma versão cabriolet que é oferecida pela Heller na 1/16 com 178 peças, código 80796.

O guardião dos ares da OTAN e de forças aéreas como os EUA, França, Arábia Saudita e Inglaterra é o Boeing E-3 Sentry, que nada mais é que uma versão do 707 com um radome giratório no dorso, contendo um radar AN/APY-1/2. Se tiver muito espaço livre na bancada, ele é o kit 80308 na 1/72 com 108 peças, que representa a versão B!

O wide-body McDonnell Douglas DC-10 chega na 1/125 nas cores da Aero México com 83 peças sob o código 80460.

Chegando em duas variantes, temos aqui o Talbot Lago Record na 1/24, com suas 124 peças. A diferença? O item 80711 não traz pincel e tintas, ao contrário do item 50711 que é vendido no formato giftset, com tintas, cola e pincel.

  • Italeri

Para complementar aquele diorama ou veículo militar alemão, temos o trailer Sd.Ahn.51. Nível 3, ele traz 2 Kar 98K, 2 capacetes de aço e caixas de munição. Escala 1/35, item 6450.

Já o item 7055 traz o Opel Blitz na 1/72 em sua versão de ambulância militar com decalques para 3 viaturas na França(1940 e 1944) e Itália.

Estendendo a linha 1/56, a Italeri apresenta o KV-1/2: sim, você pode escolher qual montar, já que há peças para montar as torres dos dois blindados e a carroceria é a mesma. Lagartas peças-seção, um tanquista incluso e 5 opções de decalques para cada veículo. Item 15763, Warlord Series.

Outro clássico da Luftwaffe é o Junkers Ju-88A4, a versão mais numerosa do Schnellbomber alemão. O kit 1018 vem com bomba de 1000kg, 500kg, interior detalhado, metralhadoras defensivas e decalques para um aparelho. Nível 4.

Quem quer um avião mais moderno e com pintura chamativa, que olhe com carinho o PANAVIA Tornado IDS com a pintura comemorativa dos 60 anos do 311º Gruppo. Nivel 4, 1/48, 2766.

Deixando a aviação, vamos fechar com os reis da estrada: eis o MAN TGX XXL 1/24 “Wolf Transporte”. Nível 5, 7 pneus de borracha, adesivos metalizados e decalques para um veículo. Item 3921.

  • Revell

Na 1/72, começamos com o Mikoyan-Gurevich MiG-29S nas cores do grupo Russian Falcons, apresentada em 2006 na Base Aérea da VVS de Lipetsk. O kit 03936 ainda vem com piloto, tanques sub-alares, mísseis, figura de um piloto e tampas para a entrada de ar e saída de ar das turbinas RD-33. Nível 4, 152 peças.

Um clássico na 1/48: trata-se do Focke-Wulf FW-190D9, a última evolução do lendário caça de Kurt Tank antes da entrada em serviço do Ta-152. Kit 03930, nível 5, 144 peças, decalques para dois aparelhos da Luftwaffe.

Um dos navios mais poderosos do mundo, foi motivo de noites mal-dormidas para os estrategistas da OTAN: a classe Pr.1144 Orlan era composta de 4 modernos cruzadores nucleares armados com lançadores de torpedos pesados, mísseis antiaéreos e anti-navio, morteiros, anti-submarino,  helicópteros de busca e ataque, sonares rebocados e orgânicos, além de uma suíte de auto-defesa contra mísseis e projéteis inimigos. Hoje, apenas o Petr Velikiy está ativo(o Admiral Nakhimov está passando por modernização e os Admiral Ushakov e Lazarev foram baixados) e é a sua versão modernizada que é representada pelo item 05151, que é um rebox do kit da Zvezda. Alguns lançadores VLS podem ser montados com as escotilhas abertas, há dois helicópteros Kamov Ka-27 e a porta do elevador do hangar pode ser montada aberta ou fechada. Nível 5, 1/700, 484 peças.

Mais um rebox(dessa vez da ICM), temos aqui o Panhard 178 capturado e em uso pelas forças alemãs como Sp.Wg.P204(f) na 1/35. Nível 4, 158 peças, incluindo pneus de borracha, motor e interior completos. Kit 03259.

Ainda nas militarias, temos o caça-tanques Elefant(Sd.Kfz.184) na 1/35. Esse massivo blindado  era uma excepcional arma de defesa, com sua pesadíssima couraça e canhão de 88mm L/71 capaz de abater alvos à longa distância. Com lagartas de vinil, três figuras, canhão móvel e escotilhas posicionáveis, é uma ótima pedida para o mundo das militarias de grandes dimensões. Nível 4, item 03254.

  • Eduard

O “Biff”(conforme era conhecido carinhosamente o Bristol F2B) foi um avião com início de vida complicado mas que logo demonstrou suas habilidades como excepcional aeronave de reconhecimento e caça(mesmo com 2 tripulantes, sua manobrabilidade era muito boa, podendo ir para um dogfight com a maioria dos aviões inimigos com chance de sucesso). Voado desde 1916, eles serviram militarmente até 1930 e muitos ainda voam nas mãos de civis até hoje! Kit 1/48, série weekend, 2 opções de decalques, código 8489.

Melhor que um Spitfire, só o dois! Pois é isso que o Combo da Eduard traz: dois Supermarine Spitfires Mk.VIII 1/72 com moldes novíssimos são os itens 2119 dos tchecos. São 32 opções de decalques da Cartograf(você não leu errado), peças em resina e photoetched. Para os amantes desse avião inglês, uma ótima chance de sair do Day Fighter Scheme e ver esse famoso caça com cores bem distintas.

O pássaro açougueiro foi uma triste novidade para a RAF em 1941: com potente motor radial BMW801, o FW-190A tinha maneabilidade e armamento suficiente para estraçalhar a maioria dos aviões inimigos nas mãos de pilotos desavisados o suficiente para subestimá-lo. A versão A5 foi a primeira criada para levar um armamento ar-solo expandido e ganha uma versão 1/72 da Série ProfiPack com 5 opções de decalque, PEs e máscaras de pintura. Item 70116.

O tradicional Messerchmitt Me-109 ganha a versão Gustav-2 na 1/48 também da Série Profipack e também vem com PEs, máscaras de pintura, decalques Cartograf para 5 aparelhos da Luftwaffe. Item 82116.

  • Hauler/Brengun

O processo de modernização da VVS pouco antes do início da IIGM estava em andamento com a chegada novos modelos como LaGG-1/3 e MiG-1/3 para começar a substituir os Polikarpov I-16. Enquanto esses dois modelos não gozaram de muito sucesso, o Yak-1 provou ser um páreo mais duro para a Luftwaffe, ainda que a diferença de treinamento pesasse muito para o lado alemão. A Brengun lança o kit BRP72023 que traz a versão de inverno do Yak com esquis e foguetes RS-82. Peças em resina e photo-etched.

Na 1/144, temos o Messerchmitt Me-163B Komet BRP144004 que vem em dose dupla.

  • Kovozavody(KP Models)

Aumentando a linha de Taifuns, temos aqui o Bf-108B 1/72(KPM0081). Dentre as opções de decalque temos aparelhos alemães(2), húngaro e japonês.

Além do Taifun, outro kit que está com a linha de ofertas expandida é o Zlin Z-226A que ganhou o modelo Akrobat na 1/72 com duas opções de pintura. Item KPM0075.

Supermarine Spitfire Mk.Vb “Aces”. Opções de reproduzir os aparelhos voados por ases como o Wing Commander R. S. Tuck e Flight Lieutanant Eric Lock. Escala 1/72, KPM0074.

  • Mirage

Usado pela RAF para interceptar aviões de patrulha e bombardeiros soviéticos nos idos da Guerra Fria, o Gloster Javelin FAW.9 na 1/72 ganha um Gift Set da fábrica polonesa com item 872093.

  • RS Model

Mais um caça francês na 1/72 em homenagem à Armeé de l’Air: o Bloch MB155(92199) com 5 opções de pinturas: 2 da Batalha da França, 2 da França de Vichy e 1 capturado da Luftwaffe.

  • ACE

Quando falamos em “Katyuscha“, além da canção, a primeira coisa que nos vêm à cabeça é o lançador de foguetes montado no chassi dos caminhões GAZ-AA semeando destruição sore as tropas do Eixo. Entretanto não foi só o caminhão GAZ que foi plataforma para esse excepcional sistema de artilharia: bases fixas em terra(os famosos “órgãos de Stalin”) e em outros veículos foram usadas ao longo da IIGM, dentre as quais está o BM-8-24, que portava trilhos para 24 foguetes RS-82 sobre o chassis do tanque leve T-60. Na 1/72, o kit 72542 não traz nenhum decalque, mas para compensar, são 3 grades de peças em photo-etched!

  • Amodel

Um dos primeiros transportes aéreos amplamente disseminado da URSS foi o bimotor Ilyushin Il-14P com capacidade de 18 a 32 passageiros, voando a partir de 1958. Kit 1/72(72254).

Pros fãs de aviação civil ficarem ainda mais animados, temos o bimotor Adam A-500 1/72(72350). Esse pequeno avião particular pode levar 6 pessoas a até 417km/h e voar uma distância de mais de 2300km e seu design diferenciado certamente o tornarão uma atração à parte em qualquer evento e estante.

Fechando a Amodel, temos o Beechcraft 1900C da DHL(1/72, 72345).

  • Ark Model/Eastern Express

A Eastern tem 4 novidades para os modelistas de aviação! Iniciando na escala maior, temos o helicóptero de serviços médicos MBB Mo-105CBS4 nas cores da UT Air russa. Item EE72143.

Na 1/144, há 4 kits: o primeiro é o sucessor do DC-10, o McDonnell Douglas MD-11 nas cores da KLM holandesa. Item EE144102.

Na mesma escala 1/144 ainda há o Let 410UVP E-S nas cores das Forças Armadas Russas como item EE144104.

Fechando, há o helicóptero de propósito geral Mil Mi-8T 1/144 nas cores da Aeroflot em seu período soviético. Kit EE14505.

  • Armory

Ele quase veio para o Brasil, que acabou desistindo de sua aquisição para adquirir um sistema de maior alcance. Dotado de duas armas de 2A38 30mm e mísseis 57E6 de médio alcance montados numa plataforma Kamaz 8×8 com sistema de guiagem baseado em um radar 1RS2-1, datalink e sistemas de resistência à guerra eletrônica. O kit AR72401-R é 1/72, com peças em resina, plástico e PEs.

  • Combrig

Quando se fala em Kalashnikov, pensamos em fuzis de assalto(47, 74, AKM, 12, 103, etc…), espingardas(Saiga) e rifles de precisão(Dragunov). Então é hora de expandir horizontes, pois eles também fabricam embarcações como a BK-16, que é uma lancha rápida de assalto/transporte/evacuação/suporte de fogo. A Combrig a traz num combo tanto na 1/350(2 lanchas completas, foto, 35104) quanto na 1/700(3 lanchas completas, 70364). Ambas vêm com peças em resina e PEs.

O Gilyak era uma canhoneira fluvial russa feita para os rios chineses que foi afundada em Port Arthur. Kit 3591, pode ser montado como full hull ou waterline. Peças em resina e PEs.

Pertencendo à classe Novara, o SMS Hellgoland participou da IGM no Mediterrâneo, protegendo a costa da Itália e Império Austro-húngaro. Kit 70484, 1/700, water-line. Peças em resina e grades de PEs.

  • ICM

O SMS König foi o líder de sua classe de dreadnoughts alemães, combatendo por toda a IGM e tomando parte da Batalha da Jutlândia. Após a capitulação alemã, o König foi levado à Scapa Flow onde foi afundado pela tripulação, junto com outras unidades da Marinha de Alto-Mar do Império alemã. Kit 1/700, S.014, pode ser montado Full hull ou Waterline.

Para incrementar vinhetas americanas da época da IGM, há um set 1/35 de pessoal médico. Item 35694 vem com 3 soldados e uma enfermeira.

Para o caso de desejar fazer uma vinheta civil, temos um time de figuras Ford Team 1/24(24007). No set há mecânico e 2 outras pessoas.

O Beechcraft C-45 foi usado pelos japoneses como o JRB-4 e é um rebox com novos decalques do C-45 1/48 deles. Kit 48184.

  • Mikromir

Além do MD-11 da Eastern, a mikro apresenta sua própria versão do wide-body da McDonnell Douglas nas cores da Finnair na 1/144(144015).

  • Miniart

Usando tecnologia de ponta, a Miniart apresenta o canhão auto-propelido SU-122 na 1/35 como item 35197 com suas 921 peças(!!!), 3 opções de decalque, photo-etcheds e interior totalmente detalhado(tanto do compartimento de combate, quanto do motor, tanques de diesel e transmissão). Essencial para os amantes de militaria e engenharia!

Nascido como o substituto to T-34, os soviéticos criaram inicialmente o T-44 armado com um canhão de 85mm. Entretanto, o favorecimento de uma arma mais pesada, de 100mm, acabou levando ao desenvolvimento de um blindado novo, chamado de T-54-1. Ele começou a dinastia dos tanques T-54 em 1947, que perduraria até hoje, alcançando o status de blindado moderno mais amplamente produzido e utilizado na história. Fazendo jus à lenda, a Miniart nos presenteia com um soberbo kit 1/35 com mais de 20 árvores de peças(incluindo transparências), 1 grade de PEs e 4 opções de decalque. Item 37014.

Para um diorama com veículos civis da IIGM, a Miniart lança o Mercedes-Benz Typ 170V Saloon, 4 portas(1/35, 38008).

  • Modelsvit

Aqui temos um competidor para o MiG-21 da Academy na 1/72: o Mikoyan-Gurevich MiG-21F(72021) com suas 139 peças.

Desenvolvido como um interceptador supersônico e de grande altitude, a OKB MiG criou a família E-150 de aviões. Iniciando pelo E-150, esse aviões eram bem promissores em termos de desempenho e armamento, mas passaram por muitas dificuldades devido à baixa confiabilidade dos motores Tumansky R-15 disponíveis à época. Só com a aparição dos motores aperfeiçoados R-15-300, que a família E-150 conseguiu ter maior utilidade como plataforma de testes para a aviação soviética, já que não seriam mais adotados como aviões de linha. Mesmo assim, o E-152M/E-166 provaria seu valor como avião quebrador de recordes. O kit 72025, 1/72, 112 peças.

  • Unimodel/UMmt

Quatro kits novos apareceram no portfólio dos ucranianos da Unimodel. O primeiro trata-se do Sturmgeschütz III Ausführung E na 1/72 como item 278. São 177 peças plásticas mais 34 de PE.

Os ucranianos realmente adoram vagões blindados! Raramente eles não aumentam seu catálogo de ofertas nessa área e aqui temos o mais novo membro da família: o DTR, que foi fabricado em Podolsk para o Exército Vermelho. Kit 669, 1/72.

Entrando no mundo dos veículos obscuros e protótipos malucos que existiram em algum momento, temos 2 exemplos. O primeiro se trata do T-31, uma conversão com base no Sherman M4A3 Welded Hull VVSS com uma nova torre contendo uma arma de 105mm, 2 metralhadoras 0.30cal e dois lançadores de foguetes T94 nas laterais, além de novas lagartas(mais largas) e algumas modificações extras para a função de demolidor de estruturas é o kit 456 na 1/72.

O T-34 dispensa apresentações, tendo sido o cavalo de batalha das forças terrestres soviéticas. Também é sabido que o T-34 teve o chassi usado como base para uma infinidade de adaptações e protótipos, como o T-34-3 que era armado com duas armas de 57mm e uma principal de 76,2mm num torre especial. Kit 444, 1/72.

  • Zvezda

Encerrando esse nosso post, temos a nova classe de submarinos de mísseis balísticos Pr.955A Borei representada pelo K-551 Vladmir Monomakh, que patrulha as águas do Pacífico com o irmão K-550 Aleksandr Nevsky. Kit 9058, escala 1/350.


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Engenheiro de computação formado na UFES e com diversos cursos na área de redes e tráfego de dados, absolutamente louco por carros, aviões, trens, tanques, caminhões, história e estratégia. É o braço técnico da UdK.



Back to Top ↑