Kits

Published on dezembro 6th, 2015 | by Carlos Emilio

0

PATRIA AMV: um moderno conceito com tração 8X8

PATRIA AMV

FICHA TÉCNICA DO PATRIA AMV

Velocidade máxima: 100 Km/h.
Alcance Maximo: 800 km (em rodovia) 600 km (off-road).
Motor: Motor Caterpillar C-9 com 400 hp a diesel.
Peso: 17 toneladas (vazio) 27 toneladas (máximo).
Altura: 2,4 m.
Comprimento: 7,9 m.
Largura: 2,8 m
Tripulação: 2 (+10 soldados equipados).
Armamento: Metralhadora FN MAG cal 7,62X51 mm, um lançador automático de granadas LAG-40 de 40 mm, ou uma metralhadora M2HB cal .50 (12,7 mm)
Trincheira: 2,1 m
Inclinação frontal: 60º
Inclinação lateral: 30º
Obstáculo vertical: 0,70 m
Passagem de vau: Anfíbio.

DESCRIÇÃO

Por Carlos E.S Junior

O exército da Finlândia estava usando um veículo blindado sobre rodas para transporte de tropas e reconhecimento conhecido como Patria XA-180 Pasi, configurado com tração 6X6 e que foi bastante popular na década de 80 do século passado. Com a evolução da dinâmica do campo de batalha, surgiu a necessidade de um veículo mas capaz, protegido e com maior flexibilidade de emprego. Com esse objetivo traçado, o exército finlandês queria um veículo modular, para que não fosse necessário grandes mudanças estruturais para adaptar a missões diferentes e que, acima de tudo, fosse configurado para tração 8X8. Os estudos começaram em 1999 e um primeiro protótipo do veículo que foi chamado de AMV(Armoured Modular Vehicle, ou Veículo Modular Blindado) foi entregue em 2001 pela empresa Patria. As encomendas vieram e começaram a ser atendidas a partir de 2004.

PATRIA Pasi

De conceito ultrapassado e pouco eficiente dentro dos novos desafios do campo de batalha do seculo XXI, o popular XA-180 Pasi precisou ser substituído por um veículo muito mais capaz no final da década de 90 do seculo passado.

Um aspecto que chama a atenção quando tratamos do AMV é sua resistente proteção blindada. Graças a sua elevada modularidade, a blindagem pode ser reforçada até o limite de resistir a granadas de 30 mm perfurante APFSDS no arco frontal do veículo. Sem preparação alguma, o AMV padrão suporta impactos de munição calibre 7,62X51 mm por todos os lados. Sua resistência a minas ou IEDs é considerável também, podendo resistir a explosões equivalente a 10 kg de TNT sob seu assoalho. Para se ter uma ideia da boa proteção do AMV, basta observar que dois AMVs poloneses destacados no Afeganistão foram atingidos por RPG-7 sem que houvesse penetração e sua blindagem. O AMV vem com proteção para ambientes NBQ (Nuclear Biológico e Químico) e sistemas contra incêndio no veículo como padrão de todas as versões.
PATRIA AMV

O AMV é um dos mais modernos veículos modulares do mundo atualmente. Sua capacidade de proteção, mobilidade e flexibilidade de emprego são admiráveis, mas têm seu custo.

A excelente mobilidade do Patria AMV é fornecida por dois modelos de motores Scania diferentes, podendo ser um DC-12 com 480 HPs ou um DI-12, mais potente, com 530, ambos diesel. A escolha do motor varia de acordo com a escolha do cliente e da viatura em si. Com qualquer uma dessas duas opções de motorização, o AMV atinge 100 km/h em estrada e consegue uma autonomia de 800 km nelas ou 600 km em terreno irregular. Uma característica do AMV que considero interessante é que, mesmo ele podendo virar as quatro rodas da frente, ele ainda pode travar todas as rodas de um lado para fazer curvas, como um carro de combate sobre lagartas. O veículo é anfíbio e possui duas hélices propulsoras que permitem uma velocidade de navegação de 10 km/h.
PATRIA AMV

Desenvolvido para operar em qualquer tipo de ambiente e ter alta mobilidade, o AMV pode ser equipado com dois modelos de motores fabricados pela Scania. Sua velocidade, em qualquer um dos tipos pode superar 100km/h.

O armamento básico que pode ser usado no Patria AMV é composto por metralhadoras de uso geral FN MAG em calibre 7,62X51 mm, porém não há problemas para instalar metralhadoras de modelos diferentes caso o cliente assim queira. No lugar da metralhadora, pode ser instalado um lança-granadas automático LAG-40 capaz de lançar 215 granadas/minuto. Alternativamente pode ser instalada uma metralhadora pesada M2HB em calibre 12,7 mm. Versões especiais como o AMV HWP (Heavy Weapon Plataform, Plataforma de Armas Pesadas) pode ser equipado com armas mais destrutivas, como o sistema de lançamento de morteiro automático AMOS (Advanced MOrtar System), em calibre 120 mm capaz de disparar 16 morteiros/minuto, garantindo um consistente suporte de fogo de campo de batalha a distâncias de até 10 km ou 1550 metros com fogo direto. A Patria desenvolveu também um lançador de morteiro automático remotamente controlado chamado de Nemo, que também lança morteiros de 120 mm. A empresa CMI Defense disponibiliza a torre Cockerill LCTS 90MP com um canhão de 90 mm para o AMV que permitirá operar em missões de reconhecimento e como caça-tanques. Ele pode, ainda, receber torres com canhões de 25 ou 30 mm de diversos modelos e origens, assim como lançadores de mísseis anti-tanque.
PATRIA AMV

O moderno sistema de morteiros automáticos AMOS instalado no AMV permite alta cadência de tiro e eficiente suporte de fogo a até 10 km de distância.

O Patria AMV é um produto premium em um mercado com muitas opções de diversas qualidades, capacidades e, acima de tudo, preços. Hoje a Suécia, Finlândia, Polônia, Croácia, Eslovênia e África do Sul operam este moderno e capaz veículo. Os Estados Unidos estão avaliando o AMV, através de uma joint-venture entre a Patria e a poderosa empresa de defesa Lockheed-Martin (fabricante do caça F-22 Raptor e do F-35 Lightining II) que está oferecendo o AMV com o nome de “Havoc“(Devastação) para o sseu corpo de fuzileiros navais (USMC). O Emirados Árabes Unidos também estão avaliando o AMV para suas forças armadas. Até o Brasil chegou a avaliar o modelo que poderia ser construído aqui pela Imbel, porém, o modelo foi preterido em favor do Guarani da Iveco. O elevado custo do AMV, (cerca de U$ 3 mi/unidade) deve ter sido decisivo na desclassificação do para equipar as nossas Forças.
PATRIA AMV

Outro armamento avançado que pode ser empregado no AMV é o morteiro NEMO, mais leve que o AMOS, mas com o mesmo calibre, 120 mm, e cadência de 10 tiros por minuto.

PATRIA AMV

Um protótipo de um AMV armado com uma torre Cockerill LCTS 90MP pode ser usado como caça-tanques.

ABAIXO TEMOS UM VÍDEO PROMOCIONAL SOBRE O PATRIA AMV.

 



 

parceria_blog_udk_warfare

Curtiu o Patria? Há vários veículos modulares como o Boxer alemão ou o WAPC japonês e você encontra grande variedade deles na nossa loja de plastimodelismo. Confira!


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , , , , , , , ,


About the Author

Me chamo Carlos Emilio. Sou graduado em Gestão de Recursos Humanos e como hobby faço pesquisas sobre sistemas de armas para produção de artigos no site WARFARE. Minha experiência vem do antigo blog Campo de Batalha que eu publicava, mas que foi extinto por problemas com Google. Atualmente publico matérias novas junto com antigas, porém revisadas, e conto com a colaboração de um time de colaboradores que também escrevem artigos para o WARFARE.



Back to Top ↑