Técnicas cores

Published on janeiro 11th, 2019 | by ES1

0

Teoria das cores no plastimodelismo – Parte 1

Por mais que tenhamos uma certa experiência em montagem de kits, às vezes carecemos de algumas informações básicas, sobretudo no que tange à Teoria das Cores. Entendendo isso, compreendemos vantagens e limitações de técnicas como sombreamento, modulação e a síntese tonal. Também ganharemos conhecimentos que expandirão muito os nossos horizontes, como hobbystas.

De volta ao básico: cores

cores

Escala de cores simples

Sendo direto ao ponto, a cor é um nome que se dá a uma percepção visual de um objeto num ambiente. Uma mesma cor pode ter variações de percepção enormes. Mas como isso é possível?

A percepção é algo pessoal, subjetivo e intangível. Mas existe uma explicação da Física sobre o que é uma cor(que será dada de forma bem mastigada): quando um feixe de luz atinge um objeto ele, ou reflete, ou absorve os diversos comprimentos de ondas que compõem o feixe que o atingiu. O que se reflete e chega aos nossos olhos é o que chamamos de cor. Se vemos branco, ou todas as cores foram refletidas, ou apenas o espectro branco; se vemos preto, praticamente nada foi refletido pelo objeto; as demais cores acabam sendo uma composição entre espectros absorvidos e refletivos em diferentes proporções.

teoria-da-cor-introducao-0005Diversos estudiosos trabalharam com a síntese de cores: Newton, Göthe(sim, o escritor), Chevreul e Runge. De séculos de estudos, temos dois sistemas principais de cores: o Pictórico e o de Luz.

Sistema Pictórico(Síntese Subtrativa)

Como o próprio nome indica, esse sistema é usado para a representação impressa das cores, seja por meio industrial, seja por meio artesanal. Inicialmente trabalhou-se com o padrão RYB(Vermelho, Amarelo e Azul) até que Göthe mudou esse padrão para aquele que daria origem ao CMY(Ciano, Magenta e Amarelo); à ele foram adicionados branco e preto para efeitos de luz e sombra.

Anos depois, a Pantone veio e criou um novo sistema de cores que foi chamado de Hexachrome, dotado de 6 tonalidades a saber: preto, ciano, amarelo, verde, branco e laranja. Os sistemas pictóricos são os usados por pintores, e, consequentemente, por nós.

Sistema de Luz(Síntese aditiva)

Usados por técnicos de iluminação e fotógrafos, temos o RGB(Vermelho, Verde e Azul), HSB(Matiz, Saturação e Brilho), HSV(Matiz, Saturação e Valor), HSL(Matiz, Saturação e Luminosidade), Lab, etc.

Mas o que isso tem a ver com o plastimodelismo?

Tudo. Ultimamente temos sido (positivamente) bombardeados por tintas de marcas próprias para o modelismo como Hataka, AKAN, AK, Que Bacan, K4, Ammo MIG, Humbrol, Revell, Italeri, Life Color e afins. Isso tem um impacto muito bom para toda a comunidade, pois podemos ter tintas com as formulações mais corretas àquelas usadas realmente pelos itens que desejamos representar. Entretanto, o excesso de facilidades têm um lado negativo: acabamos por nos acomodar com elas. Certa vez um modelista queixou-se de que queria fazer um avião republicano da Espanha e não achava um tom de roxo para pintar o leme de um Dewoitine D-731 dentre as tintas dele e não se lembrou de um fato diretamente ligado a tudo o que falamos até agora: com uma simples mistura de vermelho e azul, ele teria o resultado desejado.

Mas saber sobre a Teoria de Cores vai muito além de saber misturar tons para chegar numa cor que não temos. Envolve saber aplicar o tal fator de redução de escala, filtros, mapping e modulação de cores. Por isso é bom começar a digerir bem essa primeira parte antes de prosseguirmos.

Na parte 2, falarei um pouco mais sobre tom, saturação e iniciaremos nossa conversa sobre modulação.


Gostou da leitura? Dê uma passada na Loja da Usina dos Kits, confira dezenas de produtos para a prática do plastimodelismo e adquira já o seu!


Tags: , , , , , ,


About the Author

Engenheiro de computação formado na UFES e com diversos cursos na área de redes e tráfego de dados, absolutamente louco por carros, aviões, trens, tanques, caminhões, história e estratégia. É o braço técnico da UdK.



Back to Top ↑